evitar no dia da mudança

O que devo evitar no dia da mudança residencial?

Você sabia que no dia da mudança residencial – e até mesmo na véspera – é necessário evitar algumas ações para não prejudicar o andamento da instalação no novo imóvel?

Sim, apesar de parecer besteira, é essencial adiar alguns compromissos ou atitudes (que podem parecer inofensivas) a fim de evitar problemas e complicações na mudança.

Pensando nisso, preparamos este conteúdo com algumas dicas básicas, mas essenciais para garantir que a sua mudança ocorra com tranquilidade. Confira!

 evitar no dia da mudança
O que devo evitar no dia da mudança? | Foto: Unplash

Dia da mudança residencial: 5 coisas para evitar!

1. Marcar com prestadores de serviço

A primeira coisa a se evitar no dia da mudança é marcar a execução de algum serviço no imóvel. Afinal, dividir a sua atenção com técnicos de internet, de companhia de energia elétrica ou qualquer outro prestador de serviço pode te sobrecarregar ainda mais.

Além disso, mais pessoas dentro do imóvel podem atrapalhar a empresa de mudança e a outra companhia em questão, impedindo que ambas executem bem o serviço.

Por isso, para o dia da mudança, deixe apenas a companhia responsável por isso. Com as outras empresas, você pode marcar um dia antes ou um dia depois.

2. Regar plantas

Pode parecer uma dica boba, mas evitar regar suas plantas no dia da mudança é primordial. Isso porque, caso elas não absorvam rapidamente a água, poderão dificultar o transporte ou, até mesmo, molhar e danificar outros pertences.

Sendo assim, deixe para molhar as suas plantas apenas quando elas já estiverem no novo imóvel.

3. Evitar cozinhar em casa

Geralmente, a embalagem dos pertences é realizada um dia antes da família se mudar. Nesse caso, a dica de evitar cozinhar em casa vale tanto para a véspera quanto para o dia da mudança em si.

Isso acontece, pois, cozinhar nesses dias, pode fazer com que você tenha que se preocupar com a limpeza de fogões, panelas e outros utensílios de cozinha antes de eles serem embalados.

Logo, para evitar essa preocupação a mais, coma em um restaurante ou peça delivery.

4. Deixar crianças, pets e idosos no imóvel

Em nosso blog, já falamos algumas vezes sobre as mudanças com crianças, idosos e animais de estimação, dando dicas de qual é a melhor forma de se mudar se você tem algum ou alguns deles em casa.

Se você leu esses artigos, sabe que o recomendado é deixar essas pessoas e esses animais com alguém de confiança, em um outro ambiente. Isso porque, o momento da embalagem e do transporte afetará a rotina deles e pode acabar causando estresse.

Mesmo quando as empresas são super organizadas, como é o caso do Doutor Frete, o ideal é realmente evitar que pets, idosos e/ou crianças estejam no imóvel no momento da mudança e do trânsito dos funcionários da empresa em casa.

5. Não planejar o dia

Outro erro grave e que deve ser evitado é não planejar o dia da mudança. Sim, o planejamento é crucial para aumentar as chances de que tudo saia como o esperado.

Nesse sentido, procure verificar:

  • A disponibilidade do uso de elevadores no edifício;
  • O estacionamento para o caminhão de mudança no condomínio;
  • A previsão do tempo;
  • O trânsito nas regiões próximas, caso a mudança seja em feriados;
  • Os horários permitidos para a mudança dentro do condomínio, etc.

Esse planejamento de mudança é essencial para minimizar os possíveis imprevistos.

Nesse sentido, saiba que, para planejar e executar a sua mudança da forma mais eficiente, o ideal é contar com uma empresa de mudança experiente e de confiança, como o Doutor Frete.

Por isso, entre em contato conosco e saiba como podemos te ajudar nesse momento importante da sua vida!

mudança mais cômoda

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Faça parte da comunidade Doutor Frete e receba dicas sobre mudança, embalagens e decoração para sua casa.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.